Conheça o Primeiro Humano No Mundo Que Tornou-se Um Cyborg

De acordo com o CNN, Neil Harbisson é o primeiro ciborgue no mundo legalmente reconhecido. Ele tem uma antena topo de sua cabeça, e esta directamente implantada com seu crânio, na qual permite Neil Harbisson a ter acesso a algo que ele nasceu sem. Neil Harbisson, quando criança não sabia diferenciar as cores, seu mundo era de preto e branco. Sem saber como são as cores vivas. 

neil

Neil Harbisson Foto: BBCBrasil.com

Hoje em dia onde a tecnologia tem grande importância no foco mental e vidas social de qualquer ser humano, por mais que tenha pessoas ainda a tentar esquiva-las. Exemplo significativo de como as ciências tecnológicas têm um grande impacto em nossas vidas, e de Neil Harbisson de 32 anos de idade, nascido na cidade de Londres, aos 27 de julho de 1982, mais cresceu em Catalunha, Espanha. Ele foi diagnosticado com acromatopsia quando criança. Em 2004, Harbisson decidiu encontrar uma maneira de sair de seu mundo do preto-e-branco, desenvolvindo uma tecnologia que lhe permitiria-lhe ter um sensorial que nenhum outro ser humano experimentou.

CNN diz que, a idéia surgiu enquanto Harbisson estudava composição de música experimental em Dartington College of Arts, em Devon, na Inglaterra. Para o seu projecto final, na qual Harbisson e o Cientista de Computação Adam Montandon desenvolveram a primeira encarnação, na qual eles chamavam de “Eyeborg”. O aparelho era uma antena ligada a um computador de cinco quilogramas e um par de auscultadores. A webcam no final da antena traduzia cada cor em 360 ondas sonoras diferentes que Harbisson poderia ouvir através de auscultadores.

Hoje Neil Harbisson é um artista audiovisual e presidente da Fundação Cyborg, tem uma relação mais próxima com a tecnologia do que até mesmo o usuário do smartphone mais ávidos.

AngoForGeeks,

Por uma Angola Melhor

Anúncios