China, Índia e Indonésia no Top Android Malwares ‘softwares intrusos’

androidlogo1

De acordo com Economictimes.indiatimes.com, Índia um dos maior mercados do tech  e com um grande número de usuários com os últimos modelos de dispositivos inteligentes(telemóveis, tablets, e outros mais), é o segundo país no mundo mais afectado em termos de Malware “softwares intruso” para o Sistema Operativo Android, com aproximadamente um milhão de dispositivos infectados em 2015, disse a companhia chinesa de Internet móvel e desenvolvedora de aplicações móveis Cheetah Mobile Inc em um relatório apresentado no dia 25 de Janeiro de 2016.

Em 2015, China, Índia e Indonésia foram os três maiores países gravemente afectados. Além de uma grandes parte de usuários baseados no Android, outro motivo de esses países se tornarem os mais atingidos é que os mercados das aplicações  de terceiros estão prevalecendo nessas áreas, muitas das quais foram contaminadas por malwares devido ao monitoramento fraco “, disse a empresa.

Para tal, com o crescimento dos métodos de pagamento móveis globalmente, o índice de criminalidade online também cresceu, sendo que, provavelmente, ocorreram mais ataques em sistemas de pagamentos em lojas móveis virtuais em telemóveis.

O relatório é baseado em dados cumulativos com cerca de 567 milhões de usuários activos  em uma base global instalada de quase 2 bilhões de usuários que utilizam aplicações móveis da Cheetah em seus dispositivos.

Cheetah, acrescentou que, o número de vírus para Android aumentou muito, sendo este superior a 9,5 milhões. Este é maior do que o dobro do número total, nos últimos três anos, segundo o relatório apresentado pela Cheetah , acrescentando que, em comparação com 2014 (2,8 milhões), o crescimento de ano à ano esta com mais de 22 por cento.

Índia atrás da China, que teve 1,5 milhões de dispositivos infectados no ano passado. Outros países com altas taxas de infecção incluídos a Indonésia com 8,00,327 dispositivos, a Rússia 4,63,385, Malásia, México, e os EUA (3,22,833).

Em 2015, a Cheetah Mobile Inc detectou mais de 13,000,00 sites maliciosos. O número de sites maliciosos aumentou mês a mês, atingindo um grande número em dezembro. Sendo uma época de festa e muitas compras, as pessoas estão dispostas a gastar mais, e para esta altura fraudadores online, ficam em alerta, vendo esta época como uma oportunidade para cometer o crime cibernético, disse a Cheetah.

Para o próximo ano, o relatório disse que a Google Play, loja de aplicações da Google no Android, para disponibilidade do mercado chinês de aplicações chinesas deverão tornar-se mais padronizado e seguro.

O relatório da Cheetah, disse que, A Google Play tem um ecossistema muito mais segura com seu sistema de acompanhamento rigoroso. Sendo, este, definido para entrar no mercado chinês e trará um canal de distribuição de aplicações mais transparente, padronizadas e saudáveis para ajudar a criar um ambiente saudável para o ecossistema Android chinês,” 

 

AngoForGeeks,

Por Uma Angola Melhor

Anúncios